ESPECIAL DE NATAL: 5+ DIY dicas para sua Árvore de Natal

Com a chegada de dezembro, chegou também a hora de enfeitar a casa para o Natal!! Mas são tantas opções e elementos diferentes que é fácil ficar meio perdido as vezes, não?


O HOC Arquitetura irá ajuda vocês com dicas e inspirações para decorações DIY e criativas!!


Vamos falar um pouquinho sobre essa tradição?



Assim como a comemoração no dia 25, a tradição de decorar as casas já vinha de milhares de anos. Em diversas culturas europeias, as casas já eram decoradas com árvores, ramos e galhos.


Durante um inverno rigoroso como é o europeu, as árvores e plantas que mantinham suas folhagens verdes tinham um significado especial para a população. Por essa razão, era comum trazer ramos e galhos verdes para dentro de casa como um sinal de que tempos melhores estariam por vir.


As velas sempre foram utilizadas para iluminação, e eram utilizadas em abundância nessa época devido às noites mais longas.


Pintura de Viggo Johansen de 1891 representando a decoração de natal.


As cores do Natal também se mantiveram as mesmas das tradições passadas. Para a cultura celta, que também costumava trazer a árvore para dentro de casa como uma forma de “manter a natureza protegida durante o inverno”, o verde utilizado par decoração está relacionado a natureza e o vermelho ao fogo, necessário para manter a vida durante o inverno. Ambas as cores estão relacionadas com a vida após um período difícil (inverno).


Um dos símbolos mais importantes do Natal é a árvore! E apesar de muitas culturas já a utilizarem, a primeira vez que a árvore foi trazida para um Natal cristão foi no século VIII. Os pinheiros mantinham suas folhagens verdes durante o inverno e seu formato em flecha apontando para os céus tornou-o sagrado para diversas culturas.




O monge beneditino São Bonifácio associou seu formato triangular com a santíssima Trindade e trouxe o símbolo da árvore de Natal para a comemoração cristã.


Outra história sobre o surgimento da árvore é do século XVI. Martinho Lutero estava dando um passeio pelos bosques em Riga, capital da Letônia e ficou maravilhado com a beleza dos pinheiros cobertos de neve com o céu estrelado ao fundo.


Ao chegar em casa, Lutero tentou reproduzir a beleza do que ele vira com algodão e velas, pois afirmara que lembrava Jesus, que desceu das estrelas para vir a terra no Natal.


Ilustração de 1860 representando Lutero mostrando a árvore a sua família.


Em Riga, há um monumento na praça central da cidade que documenta a primeira árvore do Ano Novo em 1510, com a frase traduzida em oito idiomas.


A popularização da árvore de natal aconteceu em 1846 quando os membros da realeza inglesa, a Rainha Vitória e seu irmão, príncipe Albert, foram ilustrados no jornal de Londres com seus filhos ao redor de uma árvore de Natal.


Como eles eram muito populares entre seus súditos, muitos de seus costumem acabaram tornando-se moda entre os países de língua inglesa, inclusive a nossa árvore de natal. Ela então foi espalhada pelos demais países do mundo.


Ilustração da família real em 1846.



E agora vamos falar um pouquinho de algumas dicas práticas para montar esse símbolo tão importante do Natal??



Árvore tradicional



Escolha da árvore


Em países europeus e na América do Norte é comum a utilização de árvores de verdade para a árvore de natal. Porém, elas não são boas escolhas. Apesar do fato de você estar matando uma árvore para utilizar de enfeite, elas não duram muito e costumam ficar com suas folhagens amarelas e secas e não sustentam bem os enfeites.


Opte pela árvore artificial que irá durar muitos natais e são armadas com arames e, assim, sustentam muito melhor os enfeites que serão colocados.


Outra dica seria forrar a área em que a árvore será montada de forma a não riscar o chão.


A árvore artificial se assemelha bastante com a natural.



Luzes primeiro!


Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, o ideal seriam os pisca-piscas serem colocados primeiro! Dessa forma, os fios podem ser facilmente posicionados por dentro dos galhos e serão escondidos mais tarde pelos enfeites.


Outro ponto importante seria a colocação deles acesos, assim, você poderá ver os pontos em que estão faltando iluminação e os que estão com iluminação demais. Sem surpresas depois que a árvores estiver pronta!



Enfeites e mais enfeites


Essa é a parte que a criatividade pode correr solta! Para que a árvore fique harmônica, certifique-se que os enfeites grandes como laços e bolas estejam bem espalhados. Uma dica seria posicionar os laços formando triângulos pela árvore para que fique simétrica.


Você pode também colocar ramos espalhados para dar mais naturalidade para a árvore.


Deixe os enfeites menores para o final. Analise os buracos na decoração e posicione-os para preenche-los de forma leve. Assim você terá uma árvore mais equilibrada.


Árvore de Natal com enfeites equilibrados



Saindo da caixinha


E quem disse que essa é a única forma de fazer árvore de natal??


Separamos algumas dicas de árvores de natal super diferentes para você explorar!!



Árvore de livros


Ideal para quem gosta de ler! Você pode montar essa árvore com livros empilhados, abertos ou fechados, e decorar com luzes e alguns enfeites que fiquem em pé!


Você pode fazer uma base com livros maiores e utilizar livros menores para o topo, ou colocar vários livros e diminuir a medida que a árvore sobe.



Árvore na parede


Está sem espaço na sua casa e quer uma árvore grande e chamativa? Já pensou em montar ela na parede??


Você pode montar ela de diversas formas: com luzes, guirlandas, objetos, papel de presente colados, entre muitas outras ideias! E se você tiver uma parede lousa na sua casa, fica mais fácil ainda! Que tal fazer um desenho natalino e enfeitar com luzes?


Você pode também aproveitar os cantos da sua casa para fazer árvores divertidas!




Árvore suspensa


Com uma rede metálica e fios de náilon, você pode criar uma árvore super diferente utilizando bolas natalinas penduradas em diferentes alturas. É uma alternativa barata e dispensa enfeites, sendo que você pode utilizar bolas de várias cores.


Outra solução seria a utilização de guirlandas suspensas por fios de náilon. Nessa opção, você pode utilizar enfeites diferentes e luzinhas!




Empilhando!


Vamos fazer uma árvore sustentável?


É possível utilizar caixas de papelão para fazer triângulos de diferentes tamanhos e empilha-los em formato de árvore. Outros objetos recicláveis podem ser utilizados como garrafas pet ou rolinhos de papel higiênico.


Você ainda pode fazer enfeites dos rótulos e embalagens para decorar!



Tripé de madeira


Quer uma árvore minimalista?


Pode-se usar um tripé de madeira e decora-la com poucas guirlandas, enfeites e luzes. Além de ser uma opção barata, ela tem um efeito super diferente lembrando bem a árvore tradicional.



Doces!


Uma ótima opção para decoração de mesa, você pode adquirir uma árvore pequena e espalhar doces dos mais diversos pelos arames utilizando fita adesiva para ajudar com o equilíbrio.


Você ainda pode fazer balas e biscoitos no formato de árvore e não é preciso nem se preocupar com a sobremesa da ceia!



Vários estilos!


É possível ainda abusar da criatividade com a árvore tradicional! Já pensou em utilizar cores diferentes? Ou elementos de estilos diferentes para compor a árvore?


Se você tem uma sala náutica, você pode pendurar enfeites temáticos como cordas e âncoras na árvore. Se você prefere o escandinavo, opte por tons mais claros, tendendo para o branco, e enfeites mais naturais, com madeira crua!


Utilize nossos posts para se inspirar e use a criatividade para compor a sua decoração!!


Todas as nossas imagens estão disponíveis no Pinterest

Gostaram do post? Temos muito mais por ai!! Fiquem ligados, teremos dicas de decoração natalina o mês todo!

Deixe um like na nossa página do face e nos sigam no Instagram! Sempre temos novidades! Estão inspirados e não sabem como começar? Podemos ajudar!




Posts Relacionados

Ver tudo
POSTS RELACIONADOS