DANDO ACABAMENTO: Paredes

O HOC Arquitetura continuou ligado nas postagens nos grupos e fóruns dessa semana. Talvez seja uma surpresa para muitos, mas um dos assuntos mais comentados é a base da decoração na maioria dos ambientes: PAREDES!


Por permitirem a aplicação de diversos tipos de acabamentos as paredes frequentemente são a principal razão das dúvidas no começo de qualquer reforma ou mudança decorativa.



Revestir uma pequena faixa de parede formada por um "dente" faz com que a volumetria se evidencie e tem um efeito chamoso ao destacar essa parte do ambiente.

No post de hoje listamos algumas dicas práticas para inspirar e informar você sobre como pintar e bordar (literalmente) em todas as paredes da sua casa!


Para nós do HOC Arquitetura esse elemento tão essencial na decoração merece muita atenção e cuidado!

[Não sabe o que fazer com as suas paredes e o espaço entre elas? Conheça melhor o HOC e descubra como podemos te ajudar.]



PRIMEIRA DEMÃO


A pintura com tinta ainda é o método de acabamento mais usado nas paredes brasileiras.


Mas você está aproveitando todo o potencial que uma boa pintura nas suas paredes?


Parece estranho colocando dessa forma, mas com apenas dois tons de tinta você pode transformar completamente seu ambiente! Existem vários esquemas explicativos pela internet, mas o HOC reuniu os melhores exemplos para explicar em detalhe:



Vamos ALONGAR


Usar tons mais escuros nas paredes e mais claro no teto dá a sensação de que o pé direto é mais alto, pois cria o efeito de afastamento.


Vamos ENCURTAR


O uso de um tom mais escuro na parede oposta em um ambiente longo faz com que essa pareça mais próxima e o espaço encurtado.


Vamos ALARGAR


Pintar a parede oposta de um espaço muito longo e também o teto faz com que as paredes laterais mais claras pareçam mais afastadas, ideal para corredores.


Vamos ESTREITAR


Para dar mais profundidade em ambientes quadrados, por exemplo, sugere-se pintar as duas paredes laterais opostas de um tom mais escuro, mas manter a parede oposta e o teto claros.


Vamos DAR DESTAQUE PARA O TETO


Tetos pintados de tons mais escuros que as paeredes recebem mais destaque, mas também criam a sensação de que o pé direito é menor. Cuidado!


Vamos DAR DESTAQUE PARA O PISO


Qualquer divisão horizontal na pintura das paredes vai destacar a porção mais clara, encurtando ou esticando as paredes verticalmente. Ou seja, para destacar o piso e tudo o que se encontra na parte mais inferior do ambiente, use o tom mais claro na parte baixa da parede.


O uso de Boiserie (saiba maia AQUI) tem o mesmo efeito.



Vamos DAR DESTAQUE PARA UMA PAREDE


A pintura de uma única parede mais clara em contraste com todas as outras paredes e teto de um tom mais escuro cria um contraste que destaca e dá visibilidade àquela que está diferente.


TEXTURAS E MAIS TEXTURAS


A textura conhecida como Grafiado ainda é muito encontrada em espaços comerciais, mas para ambientes residenciais há algumas resalvas a serem feitas. A aspereza desse acabamento o torna difícil de ser aplicada em locais onde as pessoas podem esbarrar e se machucar. Além disso, a limpeza e manutenção a tornam pouco recomendado, uma vez que temos tantas opções disponíveis no mercado hoje.


Outra querida é a textura de tijolinhos, mas infelizmente hoje não a encontramos naturalmente nos novos apês, como acontecia nas reformas de casas mais antigas. Nos imóveis novos, ninguém quer descascar a parede.

Por isso, alguns outros revestimentos tem ganhado os holofotes ultimamente:


Papel de parede de tijolinhos, super realista!


DO PAPEL PARA A PAREDE


Os papeis de parede, cada vez mais detalhados e diversificados tem caído nas graças da maioria da pessoas que estão pensando em reformar ou mudar seus ambientes. São tantas opções que alguns cuidados são mais do que necessários na hora de escolher qual deles colocar na sua parede!


Várias opções super desenhadas, coloridas e elaboradas saltam aos olhos na hora da escolha, cuidado porém para entender qual a palheta de cores do seu ambiente ideal.


Essa gigantografia de floresta deixa toda a decoração com um clima bucólico e mais frio. Nesse caso, a parede é o principal elemento decorativo.


Não é raro, algumas cores podem não ficar tão bem no mesmo espaço quanto estavam na nossa cabeça. E o mesmo pode acontecer com os móveis já existentes e o novo papel de parede: quando colocados juntos, o resultado é um ambiente carregado de informações e estilos que não se conversam.

Além disso, os padrões dos desenhos do papel de parede podem, assim como a pintura, alterar a percepção do seu ambiente. É o mesmo principio das linhas:


LINHAS VERTICAIS – Alogam e estreita


LINHAS HORIZONTAIS – Achatam e ampliam


LINHAS DIAGONAIS – Ampliam e detacam


Mas sempre atente-se àlgumas dicas:


- Entenda o que você quer como ambiente final;

- Entenda o que você já tem (móveis, objetos de decoração, estilos, cores);

- Referências são aliadas, mas cada caso é um caso;

- Pense e repense antes de definir;


[Não sabe o que fazer com seu ambiente? Vamos conversar! O HOC faz consultoria para te ajudar a entender as possibilidades para a sua casa e comércio.]



TUDO 3D


As placas de gesso e cerâmica 3D tem feito cada vez mais sucesso!

Esse tipo de revestimento tem um efeito incrivelmente artístico e, combinada com uma iluminação apropriada, é ideal para grandes paredes que unem ambientes, pequenas paredes de detaque, paredes divisórias de ambientes, passagens, entre outras.


Uma vez optado pelo revestimento 3D, a composição com quadros e móveis mais trabalhados deve ser pensada para que o ambiente não fique sobecarregado de informação visual.


Veja mais exemplos ótimos da sua utilização:






Lembrando que todas as imagens estão disponíveis no Pinterest do HOC Arquitetura.


Quer começar a mudar suas paredes? Vamos conversar!

A consultoria do HOC pode ajudar você a começar a dar forma ao espaço dos seus sonhos.


Posts Relacionados

Ver tudo
POSTS RELACIONADOS